PROGRAMA GERAL DO CURSO



O curso será realizado  em 9 (nove)  encontros semanais , no período de 05/agosto a 30/setembro, contendo atividades expositivas, exercícios de fixação/ respiração, prática de exposição, atividades em grupos, dentre outras.

Perfil dos participantes inscritos: Compreende os trabalhadores das Instituições Espíritas e do Movimento Espírita do Distrito Federal e Entorno que desejem tornar-se ou aperfeiçoar-se como palestrante espírita e que pertençam ao quadro de alguma instituição espírita na condição de:
• Dirigente (ocupam funções de direção nos diversos níveis existentes na instituição);
• Palestrante de reuniões públicas;
• Participam como instrutores nos estudos sistematizados da Doutrina Espírita (ESDE, ESME, ESE, EADE);
• Participam dos estudos sistematizados da Doutrina Espírita (EADE e ESDE) e que já estejam no módulo complementar;
• Participam da área de juventude espíritas da instituição ou do movimento de juventude espírita do DF;
• Dirigem ou participam como voluntários em trabalhos de assistência e promoção social espírita;
• Dirigem ou participam de trabalhos de assistência espiritual (reuniões mediúnicas, atendimento fraterno, grupos de passe etc).
 
DATAS DOS ENCONTROS  (Sempre nas manhãs de domingo)
Agosto: 5, 12, 19 e 26
Setembro: 2, 9, 16, 23 e 30
Horário: 8h30 às 12h30
 
LOCAL: Sede da FEDF no Setor Sudoeste (QMSW 05 , Lote 05 - Setor Sudoeste - Brasília/DF)
 
PROGRAMAÇÃO:
 
Unidade I – COMUNICAÇÃO
  • Conceito;
  • A oratória: um pouco de história; tipos; termos associados à oratória.
  • Comunicação: Importância e finalidades, Elementos da comunicação, Tipos de comunicação.
  • Dimensões da comunicação:
    - Dimensão espiritual;
    - Dimensão intelectual;
    - Dimensão emocional;
    - Dimensão corporal;
    - Dimensão vocal.
  • Dificuldades apresentadas na comunicação humana.
  • Cuidados que deverá ter no desempenho de sua tarefa.
  • Exercícios práticos (respiração e dicção).
 Unidade II – O EXPOSITOR ESPÍRITA
  • Conceitos de Palestrante.
  • Perfil de um bom palestrante espírita.
  • Orientações para se tornar um bom palestrante espírita.
  • Exercícios práticos.
 Unidade III – A EXPOSIÇÃO ORAL
  • A linguagem na comunicação humana.
  • Importância da palavra que divulga o Espiritismo.
  • Tipos de exposição: palestra, preparação, improviso, sustentação oral, debate, comício, na televisão, no rádio, na Internet; dentre outros.
  • Planejamento da Palestra – Importância e etapas.
  • Técnicas de introdução, desenvolvimento e finalização de uma apresentação:
          - Introdução;
          - Desenvolvimento;
          - Conclusão.
  • Esquema de plano de palestras.
  • Como preparar uma boa apresentação: quanto ao assunto, quanto aos objetivos, quanto a bibliografia.
  • Utilização de recursos audiovisuais e de conteúdo.
  • Tipos de auditórios; público alvo e espaço físico.
  • Exercícios práticos.
 Unidade IV – PERSPECTIVAS APÓS O CURSO
  • Acompanhamento pós-curso, tutoria (setembro/2018 a março/2019).
  • Orientações sobre onde e como começar a falar em público.
  • Como se inserir nas palestras públicas da sua instituição e de outras.